Aplicativos da Meta terão chatbot com Llama 3 na barra de pesquisa

Imagem: Ascannio/Shutterstock

Falamos ontem, quinta-feira (18), sobre o lançamento do Llama 3 pela Meta, nova IA de código aberto que promete desempenho aprimorado em várias tarefas. Em pouquíssimo tempo já temos outra novidade da empresa: seus principais aplicativos, ou seja, Facebook, Messenger, Instagram e WhatsApp, vão usufruir de um chatbot criado com o Llama 3 em suas barras de pesquisa. As informações são do TechCrunch.

Paralelamente, a Meta lançou outras novidades no seu chatbot atualizado com Llama 3, como geração mais rápida de imagens e acesso a resultados de pesquisas na web. A companhia também está lançando um novo site, para os usuários acessarem o chatbot.

A notícia ressalta os esforços da Meta para se posicionar no centro do atual entusiasmo por ferramentas generativas de IA entre os consumidores.

Mark Zuckerberg afirmou até mesmo que o Meta AI, por onde se acessa o chatbot, é possivelmente o “assistente de IA mais inteligente que você pode usar livremente”, sugerindo que ele supera o popular ChatGPT, da OpenAI.

A Meta lançou o Meta AI pela primeira vez nos EUA no ano passado. No momento, reúne esforços para expandir o chatbot em língua inglesa para mais de uma dúzia de países, incluindo Austrália, Canadá, Gana, Jamaica, Malawi, Nova Zelândia, Nigéria, Paquistão, Singapura, África do Sul, Uganda, Zâmbia e Zimbabue.

Imagem: gguy/Shutterstock

Novos recursos do chatbot da Meta turbinado com o Llama 3

  • Se antes os usuários já podiam pedir ao chatbot sugestões de redação ou receitas culinárias, agora, também é possível solicitar resultados desses itens relacionados à web fornecidos pelo Google e Bing.
  • A geração de imagens mais rápida, e os usuários podem pedir ao chatbot para animar uma imagem ou transformá-la em um GIF.
  • É possível ver a ferramenta de IA modificando a imagem em tempo real enquanto digitam, e a qualidade da geração dessas imagens aumentou.
  • Enquanto muitas ferramentas de geração de imagens baseadas em IA têm sido ruins para soletrar palavras, a Meta afirma que seu novo modelo apresentou melhorias nesta área.

A abordagem da Meta é ter o chatbot no máximo de lugares possíveis, ou seja, trabalha para ter o recurso não só na barra de pesquisa, mas também em chats individuais e em grupo e até no feed de seus aplicativos.

A empresa disse que você pode fazer perguntas relacionadas às postagens no feed do Facebook. Por exemplo, se você vir uma foto da aurora boreal, poderá pedir sugestões à Meta AI sobre qual é a melhor época para visitar a Islândia e ver uma.

Imagem: gguy/Shutterstock
Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore