fbpx

BRDE Labs SC dobra premiação em 2024 e lança etapa para empresas que buscam captar investimentos

Programa de aceleração para empresas de SC terá lançamento no dia 04 de março com transmissão ao vivo e online

TG-9
Foto: Tiago Ghizoni / SECOM

A edição de 2024 do BRDE Labs SC foi apresentada nesta segunda-feira, 4, em Florianópolis, com novidades

Além de dobrar a premiação total, que passou de R$180 mil para R$ 360 mil, o programa também contará com uma etapa específica para empresas que já foram premiadas em edições anteriores e buscam se preparar para a captação de investimentos – o BRDE Labs Venture. Esta será a terceira edição do programa, que é realizado por meio de uma parceria entre o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) com a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate).

O BRDE Labs Growth, iniciativa para fortalecer empresas em fases de operação e tração, premiará em dinheiro um total de 18 empresas de seis regiões do estado. As primeiras colocadas de cada região receberão R$ 30 mil; as segundas ficarão com R$ 20 mil e as terceiras, R$ 10 mil. Ao todo, serão selecionadas para participar desta etapa do programa, que terá as inscrições lançadas nos próximos meses, um total de 100 startups.

A grande novidade deste ano – o BRDE Labs Venture – já está com as inscrições abertas, que vão até o dia 24 de março. Para participar, é necessário ser uma das 200 empresas que já passaram pelo BRDE Labs nas duas edições anteriores. Para esta etapa, serão oferecidos workshops e mentorias para quem busca a captação de investimentos. Ao final, serão selecionadas as mais bem avaliadas para a conexão com investidores em um evento.

O presidente do BRDE, João Paulo Kleinübing, lembra que, nos últimos dois anos, R$ 330 mil foram distribuídos em prêmios e, entre os resultados obtidos, 77% das startups participantes estruturaram seus times de vendas durante o programa. “O BRDE é atualmente o maior financiador de recursos para inovação no Brasil por meio da Finep. Além disso, temos investido no BRDE LABS para estar cada vez mais perto dos empreendedores e tornar boas ideias em grandes negócios”, destaca.

O secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcelo Fett, ressalta que o programa tem obtido bons resultados por ser resultado de uma parceria entre os setores público e privado. “O setor de tecnologia pode contribuir para um novo ciclo de desenvolvimento no Estado. Essa aproximação entre o público e o privado é fundamental. Quando juntamos os mecanismos de apoio do público com as dores do setor privado, criamos políticas mais aderentes às necessidades das empresas, gerando um maior impacto como um todo”, diz o secretário.

O presidente da Acate, Iomani Engelmann, ressalta o contexto em que o BRDE Labs SC se insere como um programa para impulsionar os negócios do estado. “O BRDE Labs acontece em um momento muito importante para nós. Nos últimos anos, a Acate trabalha para criar uma cultura empreendedora no nosso estado. Esta iniciativa vem em um ato contínuo para estimular o crescimento das empresas”, afirma.

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore