fbpx

Governador repassa recursos para o Carnaval de Joaçaba e Herval d’Oeste

A alegria do carnaval chegou mais cedo a Joaçaba e Herval d’Oeste, no Meio-Oeste catarinense. É que nesta sexta-feira,19, o governador Jorginho Mello autorizou o repasse de R$ 1,17 milhão à Liga das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval D’Oeste (Liesjho)

Governador repassa recursos para o Carnaval de Joaçaba e Herval d’Oeste
Foto: Ricardo Trida/SECOM

O dinheiro foi liberado pela Fundação Catarinense de Cultura, por meio do Programa de Incentivo à Cultura (PIC).

O cheque simbólico com o valor total foi entregue pelo governador e pelo prefeito de Joaçaba, Dioclésio Ragnini à presidente da Liesjho, Gisele Ceconello. “Há muitos e muitos anos a gente convive aqui e sempre que a gente fala em carnaval para alguém que é de fora, que é de longe daqui ele não compreende na primeira explicação porque tem um carnaval com esse tamanho, com essa beleza e qualidade. Eu sou parceiro de ajudar o carnaval desde 1995 quando eu virei deputado estadual. Nunca deixei de ajudar e agora ficou mais fácil um pouco, por ser governador a gente pode ajudar mais ainda”, disse Jorginho Mello.

Daqui a três semanas, quando o Carnaval estiver oficialmente nas ruas, três agremiações vão invadir a avenida XV de Novembro: Acadêmicos do Grande Vale, com o tema 50 anos do Tejo, Unidos do Herval, com o mote Mulher Brasileira em Primeiro Lugar e Vale Samba, defendendo o enredo Raízes.

“Agradeço ao governador Jorginho Mello, da mesma forma agradeço ao prefeito municipal que especialmente esse ano assumiu a organização da estrutura da avenida do samba. O carnaval é muito mais que uma festa colorida e cheia de música é um acontecimento cultural, é uma celebração que une pessoas de diferentes origens e culturas promovendo a integração social”, disse a presidente da Liga, Gisele Ceconello

O investimento do governo no carnaval local, além de trazer alegria e cultura à população, tem inúmeros reflexos na economia local. São gerados cerca de 100 empregos entre as três escolas com a contratação de costureiras, aderecistas, soldadores, entre outros profissionais. Além disso o evento faz a economia girar tanto na área de turismo, como no comércio em geral. A estimativa é de que circulem R$ 6 milhões somente nos dias de folia. “Essa parceria com o Governo do Estado é muito interessante para que a gente consiga cada vez mais um carnaval com mais qualidade. Isso nos dá um suporte bastante grande para o município e para as escolas para que ela se apresente cada vez melhor. Aqui temos que agradecer ao nosso governador Jorginho Mello não só por hoje, mas desde quando ele era deputado estadual que sempre foi um apoiador da nossa da nossa grande festa que é o nosso carnaval”, comemorou o prefeito de Joaçaba, Dioclésio Ragnini.

PIC

O Governo do Estado instituiu o Programa de Investimento à Cultura (PIC) para atender a uma importante demanda do setor cultural catarinense para a promoção, valorização e preservação da memória e da produção artística no estado. Com o PIC, o Estado abre mão de parte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (Icms) devido por empresas cadastradas, permitindo que o valor seja destinado a projetos culturais aprovados pela Fundação Catarinense de Cultura, como no caso do carnaval de Joaçaba e Herval D’Oeste. “O governador já tinha me alertado que era para gente ficar de olho no carnaval de Joaçaba. E ele se inscreveram. Foi feito o projeto e aprovado a Celesc fez a destinação da imensa maior parte. Apenas R$ 14 mil foi por parte de uma empresa, mas todo o restante foi recursos da Celesc. Então a gente tem dois atos do Estado neste caso: uma empresa do Estado e a Fundação Catarinense de Cultura dando suporte ao carnaval de Joaçaba. O programa de incentivo à cultura que permite isso e a gente tá trabalhando aí para que 2024, esse programa tenha a cada vez mais sucesso em fazer cultura no estado” explicou o presidente da Fundação Catarinense de Cultura, Rafael Nogueira.

HOMENAGEM

O evento prestou uma homenagem ao ex-presidente da Liga Edemar Gruber, falecido no ano passado, aos 73 anos. Além da paixão pelo carnaval, ele também construiu uma carreira na magistratura. E ingressou na carreira jurídica em maio de 1989, atuou como juiz de carreira nas comarcas de Ituporanga, Fraiburgo, Xaxim, Xanxerê e Joaçaba, onde trabalhou por 20 anos. Em 2015, foi promovido ao cargo de desembargador do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. A filha do homenageado, Ticiane Gruber, recebeu um arranjo de flores como símbolo da gratidão de toda a comunidade.

O evento foi encerrado com a apresentação de componentes das três escolas de samba.

Fonte: Christiano Vasconcellos | Secom

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore