fbpx

Atualização da OpenAI resolve ‘preguiça’ do ChatGPT

(Imagem: T. Schneider/Shutterstock)

A OpenAI anunciou atualizações para os modelos de inteligência artificial (IA) – leia-se: “motores” – do ChatGPT. Entre os updates, estão: (possível) correção para o problema de “preguiça” do GPT-4 Turbo, preços mais baixos do GPT-3.5 Turbo, novo modelo de incorporação, modelo de moderação atualizado e nova forma de gerenciar o uso da API.

  • A OpenAI anunciou atualizações significativas para o ChatGPT. Entre elas, está um novo modelo GPT-4 Turbo, que visa corrigir o problema de “preguiça” do chatbot em tarefas como geração de código;
  • Outras atualizações incluem melhorias no GPT-3.5 Turbo, que oferece maior precisão e correção de bugs para chamadas de função em idiomas não ingleses. A OpenAI também reduziu os custos do GPT-3.5 Turbo para os clientes utilizarem através da API;
  • Novos modelos de incorporação também foram introduzidos, como o text-embedding-3-small e text-embedding-3-large, que ajudam em tarefas de aprendizado de máquina, além de um modelo de moderação atualizado para identificar textos potencialmente prejudiciais.
  • A plataforma para desenvolvedores da OpenAI recebeu melhorias, como novas ferramentas para gerenciamento de chaves de API e um painel renovado para rastrear o uso da API.

Novidades do ChatGPT

(Imagem: Pedro Spadoni/Olhar Digital)

O novo modelo GPT-4 Turbo (gpt-4-0125-preview), promete realizar tarefas, como geração de código, de forma mais completa. O objetivo é reduzir casos de “preguiça”, no qual o modelo não completa tarefas adequadamente. Desde o lançamento do GPT-4 Turbo, usuários reportaram que a versão ChatGPT-4 do assistente se recusava a realizar tarefas (especialmente de programação) com a mesma profundidade que as versões anteriores do GPT-4.

A OpenAI também anunciou o GPT-3.5 Turbo (gpt-3.5-turbo-0125), com melhorias que incluem maior precisão ao responder em formatos solicitados e correção de um bug que causava problemas de codificação de texto para chamadas de função em idiomas não ingleses. O custo do GPT-3.5 Turbo através da API da OpenAI diminuirá pela terceira vez para ajudar os clientes a escalarem seus serviços. Os novos preços de tokens de entrada e saída são respectivamente 50% e 25% menores.

Além disso, a OpenAI anunciou novos modelos de incorporação, text-embedding-3-small e text-embedding-3-large, que convertem conteúdo em sequências numéricas, auxiliando em tarefas de aprendizado de máquina como agrupamento e recuperação. Um modelo de moderação atualizado (text-moderation-007) também faz parte da API da empresa e visa identificar textos potencialmente prejudiciais.

 

Por fim, a OpenAI implementou melhorias em sua plataforma para desenvolvedores. A empresa introduziu novas ferramentas para gerenciar chaves de API e um novo painel para rastrear o uso da API. Desenvolvedores agora podem atribuir permissões a chaves de API a partir da página de chaves de API, ajudando a controlar o uso indevido de chaves de API. O painel da API permite aos desenvolvedores visualizar o uso em nível de recurso, equipe, produto ou projeto, com chaves de API separadas para cada um.

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore