fbpx

Carta de 3 mil anos de filho revoltado com a mãe viraliza

carta
A carta de Iddin-Sin para sua mãe, Zinu — Foto: Wikimedia Commons

O que você diria em uma carta enviada à sua mãe quando estivesse longe de sua família? Um jovem estudante da antiga Mesopotâmia resolveu expressar sua revolta e 3 mil anos depois o conteúdo do texto viralizou.

Apesar de estar longe de sua mãe, Iddin-Sin não expressou saudades nem nada disso. Pelo contrário, a carta endereçada à Zinû mostra como o jovem estava revoltado com seus pais.

De acordo com as traduções, a carta começa com: “diga à senhora Zinû: Iddin-Sin envia a seguinte mensagem. Que os deuses Šamaš, Marduk e Ilabrat mantenham você para sempre com boa saúde por minha causa”.

A carta de Iddin-Sin para sua mãe, Zinu — Foto: Wikimedia Commons

Carta viraliza com revolta do filho sobre a mãe

Apesar do começo aparentemente preocupado, o restante da carta tem um tom bem diferente. “De ano para ano, as roupas dos jovens cavalheiros aqui ficam melhores, mas vocês deixam minhas roupas piorarem de ano para ano. usado como pão, você me fez roupas pobres”, continua o filho.

“O filho de Adad-iddinam, cujo pai é apenas um assistente do meu pai, tem dois conjuntos de roupas novos, enquanto você se preocupa até mesmo com um único conjunto de roupas para mim”, completa o jovem.

No fim, o estudante finaliza dizendo que duvida do amor de sua mãe. “Apesar de você ter me dado à luz e a mãe dele apenas ter adotado ele, a mãe dele o ama, enquanto você, você não me ama!”.

A carta foi escrita no  na Mesopotâmia do século 18 a.C. Segundo informações da biblioteca digital Cuneiform Digital Library Initiative, a carta foi encontrada em uma tábua de cartas escavada em Larsa e agora mantida no Museu do Louvre, na França.

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore