fbpx

Como essa startup de SC mudou a realidade 300 mil produtores rurais familiares

ManejeBem, startup especializada na medição, rastreamento e atingimento de metas ESG, completou 6 anos e segue elaborando projetos de impacto para grandes corporações, aumentando a capacitação e o nível de sustentabilidade de comunidades rurais em situação de vulnerabilidade

Foto: divulgação.

Através da execução de 19 projetos tecnológicos, impactou direta e indiretamente 300 mil produtores de 209 municípios brasileiros. Além de contar com uma taxa de 82% de produtores rurais transformados digitalmente. 

De acordo com dados divulgados durante o Prêmio Produtores do Ano, os produtores atendidos pelos projetos tiveram renda familiar com aumento de até 300% no segundo semestre de 2022.

Esses impactos socioeconômicos mostram a dimensão da startup durante esses anos de trabalho. Além disso, com conteúdo e plantão agronômico no site oficial da startup, mais de 5,2 milhões de produtores, técnicos agrícolas, agrônomos e estudantes foram impactados em todo Brasil.

Com números expressivos, a startup participou pela terceira vez seguida do 100 Open Startups. No ano passado, a startup ficou entre as cinco agritechs de maior destaque do Brasil. Para a CEO e fundadora da ManejeBem, Juliane Lemos, os dados revelam o empenho e dedicação do trabalho feito em conjunto:

Ao longo desses seis anos, desenvolvemos uma abordagem mais centrada no usuário, trabalhando em estreita colaboração com os produtores para entender suas demandas e desafios específicos. Isso nos permitiu criar soluções mais eficazes e personalizadas, que realmente atendem às necessidades do campo”.

Nesta caminhada, a Manejebem fechou parcerias com empresas renomadas como a Embrapa (em suas diversas unidades e segmentos de atuação), TNC, CPQD, NESst, PPA, governos como Prefeitura de Jundiaí, Governo do Maranhão, empresas de assistência técnica pública como a Agerp e Epagri, e parceiros em outros setores como GS1 Brasil.

PROJETOS

A abordagem dos projetos da startup é mais centrada no usuário, trabalhando em estreita colaboração com os produtores para entender as demandas e desafios específicos. Isso permitiu a criação de soluções mais eficazes e personalizadas. 

ManejeChat, por exemplo, foi criado uma tecnologia disruptiva criada para coletar e fornecer informações sobre o pequeno produtor familiar de forma sistematizada e confiável. 

Escala de Sustentabilidade ManejeBem (ESM) mede, monitora e rastreia impactos sociais, econômicos, ambientais e agronômicos de comunidades rurais.

A Inteligência Artificial está presente. Este projeto foi implementado em 2023 com a criação de 5 avatares com o objetivo de estreitar a relação entre o produtor rural e a assistência técnica digital.

Outros projetos estão espalhados pelo Brasil, como Guaraná de Maués (AM), Assistex Produtor Familiar (PA), ManejeCacau (BA), Lúpulo (SC), Semear (SP) entre outros.

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital

No Brasil, os investimentos no último ano totalizaram 455 negócios e um volume aportado de US$ 1,9 bilhão. Com base nesses dados, o país representou 61,2% dos investimentos na região latino-americana em termos de quantidade de negócios.

Ao considerar as 455 rodadas mapeadas, o número indica uma redução de 51,1% no volume de deals em comparação com o ano anterior. Em termos financeiros, o último ano também apresenta uma diminuição significativa de 56,8%.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore