fbpx

Foda-se Summit: quando o fracasso de um pode ajudar o sucesso de outro

Formatado para ser um pré-evento do Startup Summit, encontro em Florianópolis vai reunir cases que não deram certo entre os atores do ecossistema de inovação. / Foto: LARAM (Unsplash)

Compartilhar casos de fracasso em um evento social não é exatamente uma novidade – já acontece em eventos realizados pelo mundo, principalmente os de empreendedorismo e inovação, e já teve similar em Florianópolis. Mas, diferente do FuckUp Nights (que teve edições entre 2017 e 2018), o Foda-se Night Summit 23, que irá acontecer em 22 de agosto, na capital catarinense, irá incorporar, além de relatos de fracassos pessoais, cases institucionais. 

“A ideia é envolver todos os atores do ecossistema de inovação – pessoas, instituições, poder público – e também servir de modelo para outros eventos no país”, afirma Jones Boeck, um dos idealizadores e que faz parte da comunidade de startups Costa Valley

“Queremos que esses cases de fracasso gerem inspiração”, diz Fabrícia Bastos Borba, consultora empresarial de inovação e que está na organização com Boeck. Elisa Cancelier, bolsista do Sebrae e agente local de inovação, e Thaynan Mariano, executivo do Floripa Conecta, completam o time. 

“A intenção é mostrar que tem muita gente fracassando e conseguindo superar isso, que desafios vivenciaram nessa jornada”, afirma. “Outra perspectiva é a de que as pessoas saiam mais fortes dali, porque o fracasso gera um aprendizado, pode ajudar no sucesso de outro”, complementa Boeck. 

PROCURA-SE CASES DE FRACASSO

O Foda-se Summit Night Summit 23 foi formato para ser um pré-evento do Startup Summit 23, que acontece de 23 a 25 de agosto, em Florianópolis. “A primeira coisa que queremos desmistificar é que não somos contrários ao Summit. Pelo contrário – estamos engajados no Startup Summit e o ‘foda-se’ é uma brincadeira, já que os cases de sucesso estarão no evento oficial”, destaca Fabrícia. “É uma forma de diferenciar também o evento principal de outros que acontecem no país”, diz Boeck.

A ideia nasceu enquanto os quatro participavam no South Summit 2023, em Porto Alegre, em março. Agora, estão trabalhando intensamente para fechar um time de talkers que realmente represente o ecossistema de inovação catarinense e os primeiros nomes devem ser divulgados a partir de julho. É possível acompanhar todo o movimento por meio do perfil do Foda-se Summit no Instagram.

A iniciativa também está aberta a parcerias e patrocínios, que podem ser negociados por ali. O encontro terá como palco o Senhorita Bar, no centro de Florianópolis e, como o local tem público limitado a 140 pessoas, será cobrado um ingresso simbólico de R$ 30,00. 

Fonte: Por Carla Pessotto, especial para agência SC Inova

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore