fbpx

Especialistas em gestão de projetos debatem oportunidades de parcerias e investimentos em Santa Catarina

Encontro promovido pela Secretaria do Planejamento, por meio do Eproj SC e em parceria com a Fazenda, auxiliou na identificação de potenciais PPPs e concessões no Estado

As oportunidades de execução de projetos por meio do Programa de Parcerias e Investimentos em Santa Catarina (PPI-SC) estiveram em pauta durante o Eproj Conecta. O evento reuniu cerca de 95 pessoas, entre gestores públicos e especialistas que atuam nos Núcleos de Gestão de Projetos do Estado (NUPROJs), além de servidores interessados no tema. Promovida pela Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan), por meio do Escritório de Gestão de Projetos (Eproj SC) e com a parceria da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC), a agenda ocorreu no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis, nesta quarta-feira (2).

Os participantes conheceram um pouco mais sobre os principais conceitos e diretrizes do Programa de Parcerias e Investimentos do Estado, numa agenda elaborada para auxiliar na identificação de potenciais projetos de Parcerias Público-Privadas (PPPs) e de concessões que possam ser desenvolvidos nas secretarias e órgãos do governo.

Na avaliação do secretário Edgar Usuy (Planejamento), o alinhamento é fundamental para auxiliar a gestão do governador Jorginho Mello na missão de fazer de Santa Catarina um Estado ainda melhor para se viver e investir. “Esse encontro é um exemplo de como podemos exercitar e adquirir novas habilidades para transformarmos nossas ideias, projetos e o plano de governo em ações e políticas públicas que vão, efetivamente, melhorar a qualidade de vida das pessoas”, destacou.

Experiências compartilhadas entre secretarias

Diretor de Desestatização e Parcerias da Fazenda, Renato Lacerda observou que algumas áreas do governo já têm PPPs e concessões encaminhadas, podendo servir de referência para as demais secretarias. Responsável pela atração de investimentos ao Estado, Lacerda reforçou a importância de que as experiências sejam compartilhadas. 

“Quando disseminamos os conhecimentos, a importância das PPPs e das concessões entre todas as secretarias, contamos com mais pessoas para contribuir com novos projetos envolvendo estruturas de Estado que possam ser administradas por um parceiro privado por meio de um contrato. Eventos como esse, portanto, são fundamentais para o nosso trabalho fluir melhor e também atrairmos novos clientes ao Estado”, analisou.

Coordenador do Eproj SC, Vitor Santos Correa destacou que a iniciativa privada tem interesse em investir e explorar parcerias. O objetivo da programação, explicou o coordenador, foi garantir ainda mais qualificação no encaminhamento destes projetos. “A intenção é trazer mais qualidade e tecnicidade nas entregas para o cidadão, que é o maior beneficiário de todo o trabalho do setor público”, concluiu.

Participaram dos painéis técnicos a gerente de Parcerias e Concessões da Fazenda (Gepac), Alessandra Rizzotto, e o servidor da mesma gerência, Felipe Parente. As apresentações técnicas também tiveram a participação do gestor de portfólio do Nuproj da Fazenda, Paulo Ramos, e de Eduardo Cunha — ambos são especialistas em PPPs da SCPAR cedidos à Gerência de Parcerias e Concessões da Fazenda.

Fonte: Por ASCOM | SEF 

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore