fbpx

Florianópolis no SXSW: Ecossistema de TI estará no palco em festival global de economia criativa e inovação

Daniel Leipnitz, presidente do Conselho da ACATE, fará palestra no South by Southwest, em Austin (Texas), mostrando como uma cidade ao Sul do Brasil se tornou referência na América Latina ao concentrar mais de 5 mil empresas de TI
 

Um pedacinho da Ilha no meio do Texas.

South By Southwest, um dos mais importantes festivais de inovação, cultura e tecnologia do mundo, que acontece entre os dias 8 e 16 de março na cidade de Austin (Texas), terá na programação deste ano um painel mostrando a evolução do ecossistema tech de Florianópolis ao longo das últimas décadas. O palestrante será Daniel Leipnitz, presidente do Conselho da Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE), que submeteu o tema para os paineis de votação popular em 2023. O painel acontece no dia 12 de março.

De acordo com Leipnitz, a ideia é mostrar como uma relativamente pequena ilha de pescadores se torou um dos principais polos tecnológicos da América Latina. O faturamento anual do setor de tecnologia na região de Florianópolis já supera os US$ 2 bilhões (R$ 10,2 bilhões) e que já são mais de 5 mil empresas na cidade, sendo o principal arrecadador de impostos municipais. 

“Infelizmente, o Brasil ainda é pouco conhecido no restante do mundo quando o assunto é tecnologia e inovação. Florianópolis, menos ainda. Quando recebemos embaixadores e outras autoridades internacionais, eles sempre ficam muito surpresos com o que nós temos. Então essa é uma oportunidade de mostrar tudo para um número muito maior de pessoas”, resume o ex-presidente da ACATE e do Sapiens Parque. 

Na ocasião, haverá também o pré-lançamento da versão em inglês do livro Ponte para Inovação (Bridge to Innovation). Organizada por Leipnitz e pelo jornalista Rodrigo Lóssio, a obra conta, em capítulos assinados por diversos especialistas e empreendedores locais, a história da criação do ecossistema de inovação em Florianópolis. O projeto ganhou em 2023 um spin-offPonte para o Mundo (co-organizado por Leipnitz, Lóssio e Alexandre Noronha, com edição executiva da SC Inova editora), um guia para ajudar empresas de tecnologia a internacionalizar seus negócios

ANTES DA PANDEMIA, SXSW FOI PALCO DO LANÇAMENTO DO FLORIPA CONECTA

O SXSW, realizado desde 1987 e criado para estimular um movimento empreendedor na área de cultura e tecnologia na capital texana, inclusive foi parte de uma estratégia de internacionalização do ecossistema catarinense, antes da pandemia. Em 2018, uma comitiva com diversas lideranças empresariais de Florianópolis visitou o evento com intuito de realizar na capital catarinense uma série de eventos com o mesmo propósito. 

Surgiu então o embrião do Floripa Conecta, realizado pela primeira vez em 2019 como um guarda-chuva de eventos diversos para movimentar a cidade em seu mês mais fraco com relação a atividade turística (agosto). E o Floripa Conecta foi apresentado em evento organizado em conjunto por essas entidades catarinenses durante o SXSW 2019. Para conhecer (ou relembrar) essa história, leia aqui uma matéria do SC Inova à época. 

Mas no meio do caminho teve uma pandemia, que segurou por pelo menos dois anos (2020-2021) o desenvolvimento do projeto, que voltou efetivamente a partir de 2022, tendo como carro-chefe o Startup Summit, evento de empreendedorismo inovador que recebe cerca de 10 mil pessoas em Florianópolis. Agora, é a vez de retomar os laços do ecossistema manezinho (e catarinense) com o mundo.  

Fonte: Por Fabrício Umpierres, editor SC Inova – scinova@scinova.com.br 

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore