fbpx

[OPINIÃO] ACCIÓ: inovação impulsiona competitividade empresarial na Catalunha

Com 500 colaboradores e 40 escritórios internacionais, a Agência de Comércio e Investimentos promove a competitividade das empresas locais e impulsiona sua transformação frente aos desafios dos mercados globalizados

Foto: Divulgação ACCIÓ

Este é o terceiro e último artigo com destaques sobre o ecossistema de inovação de Barcelona, seguindo os textos sobre os Centros de Inovação DFACTORY, especializado em Indústria 4.0, e Barcelona Health Hub, que, como o próprio nome sugere, é especializado no mercado da Saúde. 

Entre os dias 5 e 10 de novembro de 2023, o Sebrae/SC promoveu uma missão ao ecossistema de inovação de Barcelona, com a participação de gestores públicos, lideranças do Estado e colaboradores do próprio Sebrae, todos em busca de referências e boas práticas. O grupo foi recebido na Universidade La Salle, realizou visitas a diferentes ambientes de inovação da cidade, e também participou do Smart City World Expo 2023, um dos principais eventos mundiais sobre cidades inteligentes. A partir das experiências e conteúdos vistos nesta missão, foi escrita esta série de artigos, com os pontos principais.

A Catalunha, uma região vibrante e inovadora na Espanha, destaca-se não apenas por sua rica cultura e história, mas também por ser um centro de empreendedorismo e inovação. Neste cenário, a ACCIÓ (Catalunya Trade and Investment Agency, ou Agência de Comércio e Investimentos da Catalunha) assume um papel crucial, atuando como a Agência do Governo Catalão dedicada a promover a competitividade das empresas e impulsionar sua transformação, frente aos desafios cada vez maiores dos mercados globalizados. Recentemente reconhecida pelo ranking “European Cities and Regions of the Future 2022/2023“, da fDi Intelligence (empresa de inteligência do grupo do conhecido periódico Financial Times), na categoria de cidade Europeia com a melhor estratégia de promoção de investimentos, à frente de Milão e Berlim, a ACCIÓ tem como missão primordial garantir o sucesso das empresas catalãs no mercado global.

Com uma equipe de 500 profissionais, dos quais 400 estão localizados na Catalunha e 100 distribuídos em 40 escritórios internacionais, a ACCIÓ enfrenta o desafio de manter as empresas locais relevantes e competitivas em um cenário global em constante transformação. Seu foco está na promoção constante da inovação tecnológica, garantindo que as empresas estabelecidas na Catalunha prosperem local e globalmente, por meio do desenvolvimento constante de estratégias para a obtenção de vantagem competitiva sustentada. O orçamento anual de aproximadamente 80 milhões de euros demonstra o compromisso financeiro da agência em apoiar as empresas catalãs.

A região de Barcelona abriga atualmente 2.000 startups, consolidando-se como o maior hub de empreendedorismo inovador do Sul da Europa. / Foto: Nikolay Dimitrov (Unsplash)

Um aspecto interessante da ACCIÓ é sua relativa independência em relação às mudanças políticas na província. Enquanto apenas o conselho administrativo é influenciado pelo governo, a diretoria executiva e os cargos técnicos da agência mantêm uma estabilidade que promove a continuidade de suas estratégias a longo prazo.

A promoção da competitividade que a ACCIÓ entrega para as empresas da Catalunha é sustentada por duas estratégias. A primeira envolve o impulsionamento da inovação com a internacionalização de empreendimentos inovadores desenvolvidos no seu território. A segunda busca liderar a transformação digital das empresas estabelecidas, alinhando-as com os princípios de sustentabilidade de acordo com o Triple Bottom Line, que considera os aspectos econômico-financeiro, social e ambiental.

REFERÊNCIA PARA STARTUPS E EMPRESAS INTERNACIONAIS

Considerando o ambiente de inovação catalão, a região abriga atualmente 2.000 startups, consolidando-se como o maior hub de empreendedorismo inovador do Sul da Europa. Além disso, a presença de doze universidades, duas delas com escolas de negócios classificadas entre as dez melhores da Europa, fortalece a base educacional e intelectual da Catalunha. Mais de 9.150 empresas estrangeiras também escolheram estabelecer-se na região, evidenciando sua atratividade para negócios globais.

A ACCIÓ estabeleceu metas ambiciosas para a Catalunha até 2030, visando dobrar o número atual de startups e scale-ups, alcançar 15 unicórnios, ter 200 empresas exponenciais, atrair 10.000 multinacionais estrangeiras, posicionar 10 empresas catalãs entre as 1.000 mais inovadoras da Europa, contar com 5.000 empresas com filiais internacionais e ter 90% das indústrias operando no modelo 4.0. Embora os objetivos contemplem empresas de todos os portes, há um foco especial nas Micro e Pequenas Empresas (MPEs), com destaque ainda maior para as startups.

Para alcançar esses objetivos, a ACCIÓ desenvolve programas prioritários para impulsionar a inovação na região. A maioria desses programas locais é oferecida gratuitamente, enquanto os mais especializados e internacionais recebem subsídios e exigem contrapartida financeira das empresas participantes. 

Esses programas geram mais de 230 atividades realizadas por ano e, entre eles, se destacam:

  • Indústria 4.0, principalmente para as indústrias estabelecidas que ainda não adotaram este modelo;
  • Núcleos Setoriais para projetos de Pesquisa e Desenvolvimento tecnológico para a Inovação;
  • Clusters especializados para a inovação, componto 27 clusters que reúnem mais de 2.700 membros ao total, com 100 projetos colaborativos desenvolvidos ou em desenvolvimento  – Importante destacar que 7,8% dos Clusters da Europa com a certificação máxima de excelência (Gold Label) são da região da Catalunha vinculados a este programa da ACCIÓ;
  • Startup Catalonia, para apoiar startups com componente tecnológico significativo e, portanto, com maiores riscos;
  • Smart Capital, que anualmente seleciona 20 startups com aplicação intensiva de tecnologia, cada uma recebendo 100 mil euros de subvenção;
  • Inovação Aberta para empresas estabelecidas, integrando projetos inovadores com universidades, centros de pesquisa e/ou startups da região;
  • Barcelona & Catalonia Startup Hub: catálogo digital de startups disponível em https://startupshub.catalonia.com;
  • Fórum d’Inversió (Fórum de Investimentos) para conectar investidores e startups em busca de investimentos;
  • Capacitação para inovação; 
  • Assessoria para a busca de financiamento para projetos de inovação;
  • Consultoria e assessoria para o desenvolvimento de estratégias de inovação.

ROI: 1 EURO INVESTIDO GERA 29 EUROS EM EXPORTAÇÃO

Um indicador notável do sucesso da ACCIÓ é o retorno sobre investimento impressionante. Cada euro investido pela agência gera 29 euros em exportações e 38 euros em investimentos estrangeiros na Catalunha. Isso destaca a eficácia das estratégias da ACCIÓ em impulsionar não apenas o crescimento local, mas também a presença internacional das empresas catalãs.

Mesmo com todas essas estratégias e resultados significativos, é importante destacar que, em comparação com outras regiões europeias, a Catalunha não oferece os melhores incentivos fiscais e econômicos. No entanto, sua atratividade para empresas é impulsionada pelo robusto ecossistema de negócios e de inovação que possui, materializado por meio das ações realizadas pela ACCIÓ e por outros atores, especialmente as empresas estabelecidas, que percebem a importância da inovação para a sua sobrevivência e sucesso. O ambiente catalão favorece o desenvolvimento de empresas, especialmente aquelas que buscam destacar-se internacionalmente com inovações tecnológicas, tornando-as altamente competitivas não só em nível nacional, mas também mundial.

A ACCIÓ é, em resumo, um ator da esfera pública/governamental que desempenha um papel crucial no cenário empresarial catalão. Para tanto, a agência atua como um catalisador para a inovação e a competitividade global das empresas estabelecidas na região. Com objetivos e metas ambiciosas, junto com programas estratégicos, a agência está moldando o futuro econômico da Catalunha, transformando-a em um polo de referência no mapa mundial da inovação e dos negócios.

Fonte: Por Marcus Rocha, especialista em Ecossistemas e Habitats de Inovação. Escreve mensalmente sobre o tema no SC Inova. 
Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore