fbpx

BRDE Labs divulga startups selecionadas para programa de aceleração em 2023

Estão definidas as 100 startups que irão participar da 2° edição do programa de aceleração comercial BRDE Labs SC. As participantes terão acesso a quatro meses de workshops, mentorias e ferramentas para desenvolver os negócios durante a programação, que é uma realização do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) em parceria com a Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE).
Empresas de seis regiões de Santa Catarina receberão workshops, mentorias e podem receber até R$ 20 mil para acelerar negócios em iniciativa do BRDE em parceria com a ACATE. / Foto: Divulgação

Na edição catarinense, a capacitação ocorre de forma online e foram selecionadas empresas em cinco regiões: Oeste (10); Norte (12); Sul (14); Serra (4); Vale do Itajaí (22); e na Grande Florianópolis (38). Ao final do programa, até 12 das empresas com melhor desempenho serão premiadas com valores de R$ 10 mil e R$ 20 mil para aplicarem nos projetos.

“Queremos aumentar a competitividade das empresas das regiões de SC para incentivar o empreendedorismo no Estado e, ao mesmo tempo, oportunizar aos empreendedores catarinenses a geração de emprego e renda nestas startups que um dia se tornarão grandes empresas”, afirma o diretor presidente do BRDE, João Paulo Kleinübing.

O BRDE Labs tem atuações diferenciadas no Sul do país: em Santa Catarina, tem objetivo de acelerar empresas; no Paraná, para inovação aberta; e no Rio Grande do Sul atua como incubadora – ou seja, cada estado conta com capacitações específicas considerando os desafios locais de acordo com as diretrizes dos governos estaduais.

PREMIAÇÃO

Nesta edição, o BRDE Labs SC distribuirá R$ 180 mil em premiações às empresas de Santa Catarina. Uma banca avaliativa elaborada por mesorregião avaliará as startups com melhor desempenho. Serão contempladas com R$ 20 mil, o primeiro lugar em cada uma das cinco mesorregiões de Santa Catarina, enquanto o segundo lugar receberá R$10 mil. Outro benefício é que todas as selecionadas podem se conectar com as startups do BRDE Labs e com os programas da ACATE: Verticais de Negócios, Grupos Temáticos, LinkLab e MIDITEC.

As empresas selecionadas são aquelas que já possuem clientes e estão com o modelo de negócio validados. Todas as participantes desta edição realizada em parceria com a ACATE têm CNPJ em Santa Catarina e CNAE de Tecnologia. Além da formação empreendedora para os líderes das empresas, o BRDE oferece benefícios como networking com os pares do ecossistema de tecnologia e uma rede com mais de 30 especialistas para mentorias individuais.

Fonte: Redação SC Inova, com informações da Assessoria de Imprensa

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Siga a Ascenda Digital
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore